5 suplementos naturais para ajudar com a dor

0
16
Fonte: themindfulgamer.com

Pessoas que sofrem de várias dores querem um remédio que possa proporcionar alívio rápido. Infelizmente, muitos medicamentos prescritos podem causar dependência com efeitos colaterais graves. Portanto, muitas pessoas tentam terapias naturais e alternativas para obter alívio de suas condições dolorosas.

Faltam pesquisas científicas conclusivas, mas algumas evidências apontam que algumas opções podem ajudar, e muitas pessoas as consideram úteis. O principal apelo dos suplementos naturais reside no seu potencial de proporcionar alívio sem quaisquer efeitos colaterais associados aos medicamentos prescritos.

1. Cravinho

Fonte: unsplash.com

Tradicionalmente, o cravo-da-índia era usado como remédio caseiro para aliviar a dor de dente. A pesquisa científica também sugere que o cravo-da-índia é eficaz no alívio da dor. UMA Estudo 2006 O gel de cravo encontrado oferece efeitos semelhantes ao gel de benzocaína – um gel que os médicos aplicam para reduzir a dor da agulha.

Os pesquisadores colocaram gel de cravo, gel de benzocaína ou placebo dentro da boca dos participantes. Os indivíduos relataram uma redução na dor com gel de cravo e gel de benzocaína, mas não com placebo.

Mas sabemos menos sobre como o cravo-da-índia pode aliviar outros tipos de dor. Mais pesquisas podem esclarecer o potencial de alívio da dor do cravo.

A pesquisa preliminar mostra que esta erva natural possui propriedades antioxidantes, antifúngicas e antivirais.

2. Gengibre

Fonte: unsplash.com

Ginger, também conhecido como Zingiber Officinale, é uma raiz amplamente utilizada como um analgésico natural. Uma revisão sistemática de 2015 observou que tomar 2 gramas de gengibre por dia resultou em um alívio modesto da dor de exercícios de resistência e corrida quando as pessoas o ingeriram por pelo menos cinco dias. Os pesquisadores também sugerem que o gengibre desempenha um papel crucial na recuperação do corpo a um estado normal após o exercício.

Existem várias maneiras de incluir gengibre em suas dietas diárias, como gengibre cru e smoothies para chás. Você também pode usar suplementos de gengibre disponíveis em lojas e online. No entanto, a melhor maneira de se beneficiar da bondade natural é usar gengibre fresco.

Consultar seu médico antes de tomar um novo suplemento pode ajudá-lo a evitar possíveis efeitos colaterais. Suplementos dietéticos podem interagir com medicamentos existentes para criar complicações.

3. Matricária

Fonte: healthline.com

Feverfew, ou featherfew ou botões de solteiro, é uma planta medicinal com inúmeras propriedades terapêuticas. Tradicionalmente, as pessoas usavam esta planta para tratar febre, enxaquecas, artrite reumatóide, dores de dente e estômagos. Também é considerado um impulsionador natural do leite materno.

Os compostos ativos da matricária incluem lactonas sesquiterpênicas e flavonóides que podem ajudar a reduzir espasmos musculares e outras condições físicas.

A erva também fornece alívio eficaz da dor de enxaqueca. No entanto, a American Migraine Foundation observa que há resultados mistos sobre a eficácia da matricária no alívio da enxaqueca, mas a planta pode ajudar a prevenir essa dor debilitante.

Revisão de Pesquisa de 2011 descobriu matricária flores e folhas possuem propriedades analgésicas ou analgésicas.

No entanto, o uso de matricária para fins medicinais não é isento de efeitos colaterais. O conhecimento dos efeitos colaterais pode ajudá-lo a obter o máximo de tomar esta erva natural para aliviar a dor. Os possíveis efeitos colaterais podem incluir dor abdominal, náusea, vômito e aumento do risco de sangramento. É fundamental conversar com seu médico antes de tentar matricária para alívio da dor.

4. Açafrão

Fonte: unsplash.com

A cúrcuma, uma especiaria comumente encontrada em despensas domésticas, possui vários benefícios para a saúde e o bem-estar. É comum a crença de que a cúrcuma é um dos suplementos nutricionais mais eficazes para desfrutar de inúmeros efeitos benéficos.

A erva tem sido usada como tempero e remédio em várias partes do mundo, especialmente na Índia. Agora, a pesquisa científica também começou a apoiar as alegações tradicionais de suas propriedades medicinais.

A evidência científica também mostra que esta erva natural tem benefícios incríveis para o seu corpo e cérebro. Muitos desses benefícios resultam de um ingrediente ativo, a curcumina.

Um estudo em pequena escala de 2014 descobriu extrato de curcumina fornece alívio da dor semelhante ao ibuprofeno para controle da dor para osteoartrite do joelho. Altas doses de açafrão podem produzir efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios, que desempenham um papel crítico no controle da dor.

Essas propriedades permitem que a cúrcuma proporcione um incrível alívio da dor. Você pode incorporar esta erva em sua rotina diária de bem-estar para obter alívio da dor sem efeitos colaterais.

Como mencionado anteriormente, o composto eficaz responsável pelas propriedades terapêuticas da cúrcuma é a curcumina. A concentração deste composto não é muito alta, e você só pode obter 3% dele em peso.

Vários estudos científicos sobre esta erva usam extrato de curcumina, com dosagens diárias superiores a 1 grama. Seria difícil atingir essa quantidade do composto usando açafrão como tempero em seus alimentos. Tomar suplementos pode ser sua melhor aposta para obter uma quantidade suficiente de ingrediente ativo – curcumina.

5. CDB

O CBD, também conhecido como canabidiol, é um canabinóide que ocorre naturalmente na planta de cannabis. É um dos mais de 100 canabinóides identificados encontrados na planta de cannabis e representa até 40% do extrato da planta.

O composto é famoso por suas propriedades naturais de alívio da dor. Pessoas cautelosas com os efeitos colaterais dos medicamentos prescritos tentam obter alívio de analgésicos naturais. Muitos deles experimentam o óleo CBD para dor.

Uma revisão de 2020 sugere que o CBD pode proporcionar alívio da dor crônica, melhorar o sono e reduzir a inflamação, mas esses efeitos são específicos da condição. Mais pesquisas são necessárias para explorar o potencial de alívio da dor deste composto e determinar dosagens seguras e eficazes para a dor.

Por outro lado, vários relatos anedóticos revelam que o CBD ajuda com a dor. A mídia relata várias histórias em que as pessoas se livraram de sua dor crônica depois de usar esse composto extraído da cannabis. Essa é a razão pela qual muitas pessoas estão recorrendo ao óleo CBD para o controle da dor.

Você pode usar o CBD de várias maneiras para se beneficiar de seu potencial analgésico natural, como gomas de CBD e óleos de CBD. Gomas de CBD encontradas aqui oferecem uma maneira conveniente e saborosa de aproveitar os benefícios terapêuticos e de bem-estar do CBD. No entanto, muitas pessoas se perguntam como usar gomas de CBD para dor?

As gomas de CBD são deliciosos lanches infundidos com canabidiol. Eles vêm em uma quantidade pré-determinada de CBD que facilita a dosagem.

Para começar, você pode tomar uma goma ou meia, mas depois pode aumentar ou diminuir a dose dependendo dos efeitos e do seu nível de tolerância.

O efeito das gomas leva tempo para aparecer, e você precisa se controlar antes de tomar a próxima dose. Uma vez que os efeitos das gomas de CBD o atinjam, eles persistirão por mais tempo. Isso significa que as gomas de CBD fornecem controle da dor mais eficaz do que outras formas de CBD.