Como o patrocínio esportivo ajuda as criptomoedas a crescer

0
7
Fonte: pexels.com

Uma das melhores relações comerciais em andamento é aquela que existe entre o mercado de criptomoedas e a indústria esportiva. Como um empreendimento relativamente promissor, a criptomoeda ainda está em um estágio em que muitos não estão familiarizados com sua operação. A questão então se torna: como aqueles em criptografia podem levar as massas a bordo? Você acertou, propaganda! Publicidade — uma ferramenta necessária para a progressão dos negócios.

Diante disso, a propaganda esportiva se tornou a forma mais eficaz de chamar a atenção de muitos. Para a indústria esportiva, criptomoedas – como aquelas negociadas em Paybis – tornou-se seu investidor mais confiável, tornando a criptomoeda a categoria de patrocínio que mais cresce na publicidade esportiva.

Em 2021, os investimentos em criptomoedas em patrocínios esportivos atingiram US$ 366 milhões. Desde 2022, esse número triplicou, deixando muitos se perguntando por que as marcas de criptomoedas investem pesadamente em esportes. Quais são os benefícios do patrocínio esportivo e para onde essa tendência pode levar o mercado de criptomoedas no futuro? Este artigo aborda essas questões à medida que analisa o novo relacionamento entre os dois setores e como isso é mutuamente benéfico para eles.

A relação cripto-esportes: como eles ajudam uns aos outros a crescer

Existe uma relação simbiótica entre a indústria esportiva e o mercado de criptomoedas. Nos últimos dois anos, esse relacionamento engrossou, deixando muitos se perguntando como eles se complementam. Abaixo estão algumas das maneiras pelas quais os esportes permitem o crescimento de criptomoedas e vice-versa.

Conscientização massiva

Globalmente, a indústria do esporte está uma das indústrias mais prósperas. No ano passado, mais de US$ 3 bilhões foram gastos em patrocínios esportivos, sendo a criptomoeda um dos principais patrocinadores. A única razão para as parcerias de negócios prosperarem é quando elas são mutuamente benéficas para as partes envolvidas. O mercado de criptomoedas entende isso; como tal, patrocinar eventos esportivos tornou-se seu caminho para conhecer as pessoas onde elas estão.

Pode não parecer uma estratégia eficaz, mas as marcas de criptomoedas estão aproveitando o enorme alcance do público dos esportes. O objetivo é usar isso como uma oportunidade para criar consciência sobre uma indústria relativamente nova.

Um exemplo de patrocínio esportivo, como o Crypto.com, com sede em Hong Kong e Cingapura, pagou milhões por anúncios de 30 segundos durante os jogos do Super Bowl de 2022.

Curiosamente, essas marcas de criptomoedas estão entre as 10 melhores em trocas de criptomoedas em todo o mundo, de acordo com a CoinGecko.

Os esportes, no entanto, tornaram-se um caminho eficaz para as marcas de criptomoedas humanizarem e simplificarem a tecnologia complexa para pessoas não familiarizadas com criptomoedas. Por meio de patrocínios esportivos, muitos fãs podem começar a investir em criptomoedas. Muitos estão inclinados a experimentá-los quando um atleta famoso endossa um produto. Assim, o endosso esportivo pode fazer com que o valor da criptomoeda aumente exponencialmente.

Fonte: cryptowisser.com

Empurrando ambas as indústrias para a frente

O objetivo do investimento das marcas de criptomoedas em patrocínio esportivo não é apenas atingir apenas um determinado grupo demográfico. A intenção é atrair a atenção do maior número possível de demografia. Especialmente Gen Zers.Por quê?

Os registros mostram que apenas 23% dos Gen Zers estão interessados ​​em esportes em comparação com 42% Millennials, 33% Gen Xers e 31% baby boomers. Agora, é óbvio porque as marcas de criptomoedas direcionar a atenção da geração Z. Eles são o futuro; eles entendem o mundo digital melhor do que outros dados demográficos e entendem a relevância das criptomoedas no futuro.

No entanto, a indústria esportiva associada a marcas de criptomoedas sinaliza que eles entendem a geração mais jovem. Essa estratégia permite que as marcas de criptomoedas se misturem com outras gerações e ajuda a indústria do esporte a se familiarizar com a geração Z.

Um exemplo é como os atletas também estão adotando a criptomoeda. Muitos deles agora estão usando tokens sociais e NFTs e assinando acordos com marcas de criptomoedas, em palavras de ordem, permitindo que eles avancem em projetos de criptomoedas. Esse tipo de acordo e anúncio permite que a criptomoeda retenha o interesse do cliente e propague o interesse da geração Z nos esportes.

Fonte: pexels.com

Maior investimento

Houve um aumento no patrocínio esportivo por marcas de criptomoedas. Marcas como crypto.com investem constantemente em vários programas esportivos, e há uma razão por trás disso. A razão é que isso ajuda essas marcas de criptomoedas a construir confiança e atrair e reter clientes.

Quando os clientes confiam intrinsecamente em uma marca, eles investem pesadamente nela, conhecendo seus benefícios.

Portanto, as marcas investem em esportes e as massas que são fãs de esportes criam confiança nessas marcas de criptomoedas.

Atualmente, existem mais de 60 marcas de criptomoedas investindo ativamente em patrocínios esportivos. Não é sem resultados, pois a fidelidade dos fãs de esportes é uma ferramenta necessária para convencê-los a investir em criptomoedas.

Fonte: freepik.com

Construção de marca

Com as criptomoedas se movendo muito rapidamente, muitas marcas de criptomoedas estão procurando maneiras de escalar rapidamente.

Agora, o patrocínio esportivo provou ser uma das formas eficazes de fazer isso. É uma ferramenta de marketing crítica para a construção de marcas digitais, por exemplo, o crescimento das plataformas de apostas online. As marcas de criptomoedas veem isso e querem o mesmo para si mesmas.

Investir em esportes agora se tornou sua margem de manobra para construir marcas online sólidas e confiáveis.

Patrocínios em esportes como o futebol agora oferecem uma oportunidade valiosa para construir reconhecimento de marca para uma empresa. Por meio do futebol, essas marcas se posicionam de maneira a cativar o interesse dos principais grupos demográficos.

Como o esporte também abriga os atletas mais reconhecidos do mundo, o alinhamento com essas organizações e indivíduos respeitados globalmente os ajuda a gerar confiança e credibilidade, o que é essencial para a construção da marca.

Fonte: pexels.com

Como as marcas de criptomoedas podem encontrar ofertas de patrocínios esportivos

Com a taxa de crescimento das criptomoedas, novas marcas de criptomoedas nascem continuamente. Como já existe uma relação benéfica entre o mercado e o esporte, novas marcas também buscam patrocínios esportivos. Veja como novas marcas de criptomoedas podem encontrar patrocínios para habilitar sua startup.

Entre em contato com clubes esportivos locais

A maneira mais fácil de comercializar sua startup de criptomoedas por meio de esportes é entrar em contato com clubes esportivos locais. Esses clubes normalmente pedem uma taxa de patrocínio. Em troca, eles ajudarão você a comercializar sua marca e produto. Pequenos clubes locais obtêm financiamento para jogar enquanto as marcas de criptomoedas obtêm reconhecimento, promovem a fidelidade à marca e apoiam a comunidade – é uma situação vantajosa para ambas as partes.

Fonte: pexels.com

Conclusão

Até agora, a relação entre esportes e criptomoedas não acelerou a essa altura.

Ele cresceu ao perceber que os esportes são uma ferramenta de marketing indispensável para marcas de criptomoedas.

Desde o início da parceria, manteve-se rentável para ambas as partes.